Câncer de mama, e colo do utero

 

 

video

 

 

Existem os cânceres de colo de útero , e o câncer de mama, como que é possível definir eles pra que a gente possa saber como que ele se desenvolve no organismo feminino?


O câncer de mama, é obvio  que acomete a mama da mulher, e do homem também ao contrario do que as pessoas pensam, mas no homem ele é muito mais raro, ele começa com alterações que só podem ser identificadas através de exames de raios-X  , e depois pode ser percebido através de nódulos , é uma doença maligna que afeta o tecido mamário da mulher ou do homem. O colo do útero, é à parte do útero que fica na vagina da mulher , que é o lugar onde se colhe o exame de papa Nicolau. Então é uma das partes do útero que o útero também tem a parte do corpo, o colo de útero de um tipo de câncer, e o corpo do útero tem um outro tipo de câncer, dos quais o mais comum é o do colo do útero e felizmente o mais fácil de ser detectado também.

Tem como evitar esse câncer, ou ele é um problema congênito que não pode ser evitado, por ações que essa mulher faça durante a sua vida?


Sem duvidas, porque hoje através dos exames que nós chamamos de preventivo na verdade nós fazemos um diagnostico inicial, precoce dessa doença mas também conseguimos diagnosticar algumas doenças pré cancerosas. Então a partir do momento em que se detecta a doença pré-cancerosa eu posso ter atitudes que diminuem a chance da pessoa desenvolver câncer no futuro. 

No câncer do colo do útero existem infecções virais por exemplo que causam alterações no colo do útero também pré-malignas , que se tratadas numa faze inicial evitam que essa mulher desenvolva câncer de colo de útero. Em relação ao colo do útero, nós temos hoje vacinas contra o vírus do HPV, as vacinas elas atingem alguns tipos de HPV, não todos mas os tipos que são mais responsáveis pelo aparecimento de câncer são atingidos por essa vacina, o que reduz drasticamente a chance da mulher desenvolver câncer no futuro.

Como é o tratamento desse câncer?


No caso do câncer do colo do útero , como todos os casos de câncer inclusive de mama tudo depende do estagio em que a doença se encontra. Pois quanto maior é o estagio da doença mais agressivo tem que ser o tratamento, o câncer do colo de útero pode ser tratado desde uma pequena cirurgia feita a partir da vagina, em que só se retira uma parte do útero , até a retirada total do útero. Nos casos em que a cirurgia não é possível , em que os casos a paciente não pode ser submetida à cirurgia por questões clinicas, então também pode ser usadas a associação da quimioterapia com radioterapia, ou apenas radioterapia, então tudo depende da forma como se apresenta.

O câncer de mama, em abordagem ele é mais complicado, porque existe uma serie de alternativas diferentes para o tratamento, inclusive no que diz respeito a tumores grandes. Antigamente se tinha um tumor grande,  a mama tinha que ser retirada, já hoje existe a possibilidade de fazer quimioterapia antes de se fazer o procedimento cirúrgico e ter reduzido o tamanho dos tumores a ponto de serem retirados, sem a necessidade de se retirar a mama, tendo casos inclusive em que o tumor desaparece completamente. Então hoje a gente hoje tem alternativas que não se tinha no passado.

Assim como associação de radioterapia pode ser feita junto com o tratamento cirúrgico que diminui o tempo de tratamento da mulher. Então existem varias alternativas, e acho que no caso do câncer de mama que eu acho que importante que se diga também é que hoje você até pode reconstruir a mama no mesmo ato da cirurgia , e mesmo nas cirurgias em que a gente conserve a mama às vezes o resultado estético não era tão bom , com a participação de profissionais de cirurgia plástica,faz com que o resultado estético seja muito melhor e diminui bastante o impacto que a cirurgia causa na mulher.

Os exames preventivos devem ser feitos de quanto em quanto tempo?


Varia um pouco, mas de uma forma geral nós recomendamos que os exames periódicos preventivos sejam feitos pelo menos uma vez por ano. Quando tem alguma alteração a gente reduz esse prazo, mas em uma mulher que não tem nada uma vez por ano me parece bastante adequado que é o que a especialidade recomenda.

No caso do câncer de colo de útero,a gente recomenda que a mulher inicie as suas preventivas a partir do momento em que inicia a atividade sexual, então não tem idade fixa, desde o inicio da atividade sexual, ela pode iniciar esses exames. No caso da mama a gente recomenda que a mulher faça uma mamografia de base até os 35 anos, e partir dos 40, anualmente uma mamografia. Quando existe histórico familiar importante , vários membros na família, qualquer outro fator de risco, daí você pode começar essa triagem um pouco antes. Por isso que eu digo que cada caso varia, mas de uma maneira geral a mamografia a partir dos 35 anos e o colo do útero a partir do inicio da atividade sexual.

Uma outra coisa também é o auto exame que também é muito importante não é mesmo ?


Veja a recomendação durante o exame continua existindo, mas hoje é imprescindível que a mulher faça também a mamografia porque quando você consegue detectar através da papação, é que você já tem uma lesão de 1cm e nós esperamos encontrar doenças de 1ml,2ml doenças microscópicas que de fato não são palpáveis. Então é importante que a mulher se examine , porque em 10% dos casos o tumor pode ser palpável e não ser visível na mamografia , então o auto exame ainda éimportante pra que ela detecte um tumor de intervalo, ou seja a 6 meses percebeu um nódulo, não vai esperar mais 6 meses pra fazer de novo, vai logo no medico pra ver se aquele nódulo pode ser um tumor. É importante , e imprescindível hoje que a mulher que vá fazer um exame de mama, faça também a mamografia.

Na hora de fazer o exame, tem que ter algum cuidado interior pra fazer como você falou, um papanicolau , uma mamografia, tem algum cuidado que dever ser tomado com o corpo?


Sem duvida. No caso do papanicolau, é importante que a mulher não mantenha relação nas 48horas antes do exame pois isso pode causar traumatismos , sangramentos e alterações no próprio exame. Alem disso ela não deve nunca usar duchas intravaginais ou cremes que tudo isso compromete o material que vai ser colhido, outra coisa importante é que a mulher não esteja menstruada , o ideal é fazer uma semana depois do termino da menstruação porque a presença de qualquer gota de sangue compromete o exame.

No caso do câncer de mama não existe nenhum cuidado muito importante , mas é melhor que a mulher faça o exame uma semana depois da menstruação também na medida em que está no ciclo menstrual a mama é mais dolorida, então como exige uma compressão pra que se possa ter uma boa imagem, então é importante que ela não sinta dor pra evitar que o exame seja feito de maneira inadequada.